22.1.16

Personal || Em jeito de desabafo de saudade...


Hoje não me apeteceu escrever sobre maquilhagem, autoestima, ou beleza.
Hoje quis fazer um post mais pessoal, algo que nunca fiz aqui. 

Enquanto ia para o trabalho, vi um avô que segurava pela mão o neto, pequenito, e na outra mão, a gigantesca mochila que ele trazia da escola. Era hora de saída e de certo que aquele senhor, de cabelo grisalho e aparência carinhosa, tinha ido buscar a criança. 

Dei por mim a pensar naquele momento, no meu avô. Sabem, eu tive 3 avôs e 3 avós (ainda tenho uma), mas nem todos são de sangue, embora sejam família. O avô que veem na foto não era de sangue, mas é de coração. No entanto, era o avô com quem passava mais tempo. Ia buscar-me e levar-me à pré-primária, à primária, ao básico... levava-me a todo o lado e mostrou-me todos os sítios desta cidade que conheço. 

Dei por mim a pensar se teria a profissão que ele sonhava para mim, o futuro que esperava de mim, se teria orgulho na pessoa que sou hoje. 

Uma vez disse-me: «Nunca corras atrás de um rapaz, eles é que têm que correr atrás de ti...», e, por alguma razão, esse momento, sempre me ficou na cabeça. 

Hoje tive saudades, e memórias, e mais saudades.
Image and video hosting by TinyPic
Comentários
3 Comentários

3 comentários:

  1. Fiquei comovida ao ler estas tuas palavras...também sinto uma saudade imensa do meu avô...

    ResponderEliminar

Obrigada pelo comentário. ♥
(os comentários são respondidos aqui no Blog)